Sogro de responsável por obra em sítio nega pagamento de R$ 550 mil

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Sogro de responsável por obra em sítio nega pagamento de R$ 550 mil

Mensagem  forum vitimas Bancoop em Sab Fev 06 2016, 10:21

Sogro de responsável por obra em sítio nega pagamento de R$ 550 mil
WILHAN SANTIN
COLABORAÇÃO PARA A FOLHA, EM COLORADO (PR)

06/02/2016 02h00
Mais opções
PUBLICIDADE
Uma casa simples, em uma rua sem asfalto, na periferia da cidade de Colorado (noroeste do Paraná), é a sede da empresa Fernandes dos Anjos e Porto Montagens de Estruturas Metálicas.

Documentos apreendidos pela Polícia Federal no escritório do pecuarista José Carlos Bumlai, segundo o jornal "O Globo", indicam que a empresa recebeu R$ 550 mil para reformar o sítio usado pelo ex-presidente Lula.

Reportagem da Folha revelou que, segundo testemunhas e depoimentos colhidos pelo Ministério Público, uma espécie de consórcio informal de empresas (Odebrecht, OAS e Usina São Fernando) dirigidas por amigos do ex-presidente bancou as obras.

A empresa de Colorado pertence a Adriano Fernandes dos Anjos, que não quis falar à Folha. O sogro de Adriano, o aposentado Antônio Miguel da Silva, disse à reportagem, no entanto, que ele nunca recebeu esse valor.

Silva afirma que o genro trabalhou no local na montagem de estruturas metálicas, como base para uma construção e que o serviço durou um mês. "Mas de jeito nenhum ele recebeu R$ 550 mil. Foi algo entre R$ 35 mil e R$ 70 mil. Meu genro só tem dívidas e vontade de trabalhar", disse.

O sítio frequentado por Lula em Atibaia

Adriano atualmente vive em Dourados (MS), cidade de Bumlai. Ainda segundo o sogro do empresário, a obra foi realizada há quatro anos.

"Ele abriu a empresa para prestar serviços para usinas. O endereço em que a empresa está registrada é a casa de um amigo da igreja dele, apenas para receber correspondências. E foi o pessoal da usina em que ele trabalhava no Mato Grosso do Sul que pediu para ele ir fazer a obra no tal sítio", explicou.

A usina, segundo o sogro, é a São Fernando, de Bumlai.

Algum tempo depois, o genro teria parado de prestar serviços para a usina, mas não fechou a empresa. "Hoje ele trabalha por dia, quando aparece serviço. É um homem muito trabalhador. Nascido e criado aqui, na roça. Está muito chateado com isso".

forum vitimas Bancoop
Admin

Mensagens : 6821
Data de inscrição : 25/08/2008

http://bancoop.forumotion.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum